Circuito Rock Morato alavancando a cena independente!

1

_MG_2938O Circuito Rock Morato surgiu em 2015, acontecendo no Espaço CONPOEMA, em Francisco Morato e chegou à sua 6ª edição! Depois de uma breve pausa, os artistas das bandas e o público já estava com saudades, pedindo o retorno das edições 2017.

Talvez vocês já tenham visto algumas fotos que o público postou nas redes sociais do fim de semana, e espero que tenham curtido a prévia, porque nós curtimos muito ao vivo, e quem esteve junto, presenciou shows incríveis, e agora vocês poderão conferir o registro total da noite!

Um dos idealizadores do evento, Marlon H. Silva, é integrante da banda Fibonattis, e se juntou aos artistas das bandas locais para reacender a cena musical na região. E deu muito certo! Por noite, passam pelo palco do Circuito Rock, 03 bandas, e os artistas se organizam pra levar, cada um, um pouco de equipamentos, num lance bem colaborativo. Nosso Espaço está sempre de portas abertas pra eventos com essa característica, e sempre nos dispomos a ajudar também como pudermos, com nossos equipamentos e também com nossa equipe, na técnica.

Desse modo, presenciamos no decorrer desse tempo, o fortalecimento dos artistas, e a crescente do movimento, muitas bandas querendo tocar, por sentirem que este era um espaço de diálogo, de respeito ao seu trabalho, e pelo prazer de mostrar seu som na região que vive, pelo prazer de estar entre os seus, e por estarem num espaço de compartilhamento, sem disputas, indo na contramão da lógica do mercado. Os grupos independentes estavam unindo forças para alavancar os trabalhos conjuntamente, construindo um espaço permanente e sólido.

Com este mesmo intuito, surgiram outros eventos, como festivais de rock, pensados e produzidos pelas próprias bandas, como o Indie Franco Fest, e também fincaram suas bases e se ampliaram outros que aconteciam esporadicamente, e que passaram a ser permanentes, como é o caso do Lado B Festival, que acontece na cidade vizinha, Franco da Rocha, que tem sido um importante espaço para os artistas locais e uma boa alternativa de rolê para a população, mostrando que há um público que deseja usufruir desses eventos, e também a potência dessa união das bandas locais.

Os integrantes da banda Ala 19, que já haviam participado de uma edição anterior do Circuito Rock Morato, tinham a grande vontade de tocar junto com as bandas BREU! e Possessão Ouija, que também já tinham passado pelo palco do Circuito, e esse desejo se realizou nesta primeira edição de 2017, que aconteceu no último sábado, dia 06 de maio, com as 03 bandas Moratenses!

O evento começou por volta das 20h, com a abertura da banda BREU!, que trouxeram suas músicas em protesto ao sistema capitalista, e repulsa às desigualdades sociais, com seu som pesado, a banda fez a galera, além de pular muito, também pensar bastante, com certeza!

O bate-cabeça com muito vigor, dava espaço para os jovens expressarem seus sentimentos diante de tudo o que ouviam e que vivem diariamente.

A segunda banda a tocar, foi a Ala 19, também com som autoral, trouxe referências do grunge e rock nacional, com uma batida mais leve, o show deu espaço para o clima de bar, com conversa entre amigos, ao som de músicas que valorizam a cultura brasileira, priorizando as letras em português.

E a última banda, com vocal de Lidi Loren, a Possessão Ouija fez o chão tremer, botou todo mundo pra dentro pra curtir os sons guturais de Lidi, que manda sempre muito bem!

O show contou em sua maioria com músicas autorais, que a galera presente cantou junto, e também com alguns covers. A banda tem influências de várias vertentes do rock, como New Metal, Metal Core, e outras variações do rock, além do Reggae e Rap. Foi um show pesado, fechando a noite e deixando todo mundo com uma baita energia boa, só a espera de mais um! Veja as fotos dessa noite abaixo:

Fique esperto, pois outros rolês como este, estão por vir!

Curta as páginas no facebook:

Circuito Rock Morato

Banda BREU 

Ala 19

Poessessão Ouija

Outras informações: 4488-8524

Compartilhar.

Sobre o autor

27 anos, Francorrochense, Atriz, Produtora Cultural, Co-fundadora da Associação Cultural CONPOEMA, Feminista e Co-fundadora do coletivo Baciada das Mulheres do Juquery, vegetariana, divide a casa com seu cachorro Romeo e seu gato Fellini.

1 Comentário

Deixe um comentário